Seguro residencial hoje atrai consumidor por grande número de coberturas disponíveis

A Chubb afirma que o seguro residencial no Brasil apresenta grande potencial de crescimento, tendo em vista o amplo conjunto de coberturas que foram agregadas nos últimos anos. 'As residências e os bens guardados em seu interior representam a maior parte do patrimônio das pessoas e, por isso, consideramos que sempre há uma ou mais coberturas que vão despertar o interesse do consumidor, considerando proteções novas e antigas', observa Claudio Oliveira, diretor comercial da Chubb.

Ao descrever a variedade de coberturas hoje disponíveis, o executivo primeiramente aborda o crescente sentimento de insegurança do brasileiro em função da criminalidade. Sobre esse assunto, ele diz que os itens guardados em casa se tornaram mais valiosos nos últimos anos, em função de novos hábitos e costumes. 'Os eletrodomésticos ficaram mais sofisticados e, além disso, passaram a dividir espaços com computadores, tablets e outros itens que, muitas vezes, se encontram em grande número dentro da casa porque são utilizados individualmente por cada membro da família', afirma Cláudio. Com base nessa realidade, ele considera que o consumidor está aberto a ouvir boas propostas de seguro residencial com cobertura para roubo e furto a fim de proteger todos esses itens no interior do domicílio.

Outra cobertura que vem se tornando cada dia mais atraente, segundo ele, é a proteção contra prejuízos em função de danos provocados em imóveis vizinhos por conta de vazamentos. 'Essa situação, muito comum em condomínios, normalmente causa grande desconforto e pode gerar atritos severos entre famílias que moram lado a lado', considera Oliveira. Segundo ele, o prejuízo pode alcançar valores particularmente altos se o dano atingir pinturas e acabamentos refinados no imóvel vizinho. Cláudio conta que o seguro residencial possui uma proteção de responsabilidade civil familiar que oferece cobertura para essas e outras situações tais como: um vaso que cai da janela sobre outra pessoa, um cão da família que morde alguém que não resida com o segurado, alguns tipos de acidentes que uma visita possa vir a sofrer nas dependências da casa e várias outras possibilidades. 'O seguro cobre tanto as despesas causadas diretamente pelos danos quanto as eventuais custas judiciais e honorários de advogados, caso o problema seja alvo de processo na justiça'. Segundo Cláudio, o seguro residencial comercializado pela Chubb, em particular, pode ainda englobar danos provocados por intempéries, impacto de veículos, quebra de vidros, espelhos, mármores e ladrilhos, danos provocados por fumaça, desmoronamento, inundações, prejuízos decorrentes de tumultos, danos elétricos, rompimento de tubulações e outros riscos. 'A apólice oferece bem mais do que as tradicionais coberturas para incêndio, raio e explosão', destaca.

Com relação aos serviços que a companhia pode agregar ao seguro, o diretor cita o checkup completo na residência para verificar os principais itens de manutenção nos setores elétrico e hidráulico. Ao mesmo tempo, o segurado pode requerer a retirada de entulho em pequenas reformas, além da fixação de quadros e limpeza de caixa d'água. 'Esse amplo leque de proteções, com certeza, ainda é desconhecido de grande parte da população. Por isso, acreditamos que o seguro residencial oferece grandes oportunidades para os parceiros e corretores de seguros que estão interessados em atuar de forma especializada nesse ramo', finaliza


Categoria: Notícia

Publicado em:

© 1996-2018 Grupo Forster - Todos os direitos reservados! - Administradora e Corretora de Seguros - é mais SEGURO na FORSTER.

by Redbit