Violência aumenta o preço do seguro de automóveis

14/09/2017 / Fonte: Massa News

download (1)

O número de carros roubados vem subindo a cada ano, e assim, o preço do seguro do seu carro também está cada vez mais caro. Segundo a Confederação Nacional de Seguros (CNSeg), em 2015, 57 veículos foram roubados por hora no país, com um total de 1.368 por dia. A pesquisa também apontou que, de cada 100 veículos roubados diariamente, apenas 20 são recuperados.

Para a Fundação Nacional das Empresas de Seguros Privados e de Capitalização (Fenaseg), o crescimento no número de roubos e furtos de carros é o motivo principal do aumento de custo. Além disso, a organização apontou que também está mais caro para reparar os veículos em oficinas mecânicas, fator que também influencia no preço do serviço da seguradora.

A violência provoca o efeito no aumento no preço dos seguros, porém, cada empresa pratica o reajuste que considera adequado para a sua empresa, levando em conta fatores que julgam relevantes.

Dicas para aumentar a segurança do seu veículo e diminuir o preço do seguro Para o consumidor, uma das únicas maneiras de reduzir o preço do seguro é contar com uma garagem em casa. Porém, existem seguradoras que oferecem descontos se comprovado a existência de ferramentas que impulsionem a segurança do veículo.

Para tornar o carro ainda mais protegido, é preciso acompanhar de perto e ter cuidados básicos com o seu veículo. É indicado, sempre que possível, guardar o carro em garagens fechadas ou estacionamentos seguros, para preservar o veículo de danos externos.

Se você busca ainda mais segurança para o seu carro, existem apetrechos que trazem mais tranquilidade para o proprietário. Um exemplo é o rastreador veicular, que utiliza a tecnologia via GPS e consegue localizar o carro por meio de sinais de radiofrequência. É um método inteligente, pois em caso de roubo do veículo, é possível saber para onde ele foi levado.

Também é possível instalar um botão de pânico no veículo, que entra em contato uma central especializada (Polícia, empresa de segurança) com informações sobre a localização do carro e indicações de rotas mais seguras.

Outra medida a ser tomada para aumentar a segurança do veículo pode ser a instalação de um Bloqueador antifurto, que é um dos equipamentos mais antigos que existem no mercado. O funcionamento é simples: o dispositivo bloqueia o sistema de ignição ou da bomba de gasolina assim que o alarme for disparado. Quando acontece, o freio também trave e o veículo não sai do lugar.


Categoria: Notícia

Publicado em:

© 1996-2018 Grupo Forster - Todos os direitos reservados! - Administradora e Corretora de Seguros - é mais SEGURO na FORSTER.

by Redbit